Pinterest

Rua Colônia da Glória 390,1.andar sala 3, Vila Mariana São Paulo-sp

  • 3564-6787 / 9 6603 8169
  • Atendimento On-line
  • idiomas

Notícias

26/06/2014
Bolha Imobiliária?
Não existe bolha imobiliária e setor ganhará força após a Copa, diz Ricardo Amorim
 


Não existe bolha imobiliária e setor ganhará força após a Copa, diz Ricardo Amorim - InfoMoney 

Ricardo Amorim, apresentador do programa “Manhattan Connection” da GloboNews, acredita que as pessoas que estão esperando pelo estouro de uma possível bolha imobiliária para comprar uma residência por um preço mais atrativo estão adotando uma estratégia equivocada. Durante o evento de lançamento da parceria entre a Bloomberg e o InfoMoney em São Paulo, Amorim disse que o setor imobiliário – e os preços dos imóveis – tendem a ganhar força após a Copa, já que muita gente que está adiando a decisão de compra por causa desse tipo de temor terá de rever essa posição, o que vai reforçar ainda mais a demanda. Leia a seguir os principais trechos da palestra realizada no escritório da Bloomberg, em São Paulo:
IMÓVEIS
Temos a sensação de que há uma bolha imobiliária no Brasil porque os preços subiram quatro ou cinco vezes desde o início da década passada. Mas não dá para comparar os preços atuais com os antigos porque antes não havia crédito. Naquela época, só comprava imóvel quem tinha dinheiro para pagar à vista – ou seja, pouca gente. Mas agora há condições de financiamento bem mais favoráveis. Quando comparamos os preços brasileiros com os internacionais, a gente percebe que não há uma grande distorção. Comparei o preço dos imóveis com a renda da população e constatei que um brasileiro precisa gastar 13 anos de salário para comprar uma casa atualmente. Em uma lista com 123 países, o Brasil aparece apenas na 48ª posição nesse quesito. Outro forte indicador de que não há bolha imobiliária é que estudei mais de 100 casos e percebi que nunca houve um estouro de bolha em um país onde o crédito imobiliário representasse menos de 50% do PIB. No Brasil, não chega nem a 10% do PIB. Há três anos que muita gente fala que a bolha imobiliária vai estourar depois da Copa. Então há uma enorme quantidade de brasileiros que está segurando a compra, pensando em aproveitar a queda dos preços quando ela ocorrer. Mas isso não vai acontecer. Depois da Copa vai ter a demanda natural de quem é comprador e vai ter a demanda de quem esperou o estouro de bolha que não veio. Então acho que o mercado imobiliário vai, na verdade, ganhar força depois da Copa – e isso não está na conta de ninguém.
Ricardo Amorim: bolhas chinesas vão estourar, ainda que não seja possível prever quando (Luiz Messici / InfoMoney)
 
Ricardo Amorim: bolhas chinesas vão estourar, ainda que não seja possível prever quando (Luiz Messici / InfoMoney)
CHINA
As pessoas falam muito da bolha imobiliária no Brasil, mas, nos próximos dois anos, a bolha que pode estourar é a chinesa. O Brasil constrói cerca de 400 mil residências por ano. Os Estados Unidos faziam cerca de 2,1 milhões de residências por ano antes do estouro da bolha imobiliária. Já a China construiu 22 milhões de moradias no ano passado. O número de chineses é 6,5 vezes maior que o de brasileiros, mas eles fazem 55 vezes mais casas. A outra bolha chinesa é a do crédito. No ano passado, 40% de todos os financiamentos via mercado de capitais foram para a China. Não sei quando essas bolhas vão estourar, mas uma hora vai acontecer.
EUA
Os EUA podem se tornar o único motor da economia mundial se os emergentes continuarem desacelerando. O problema é que o número de companhias americanas que estão revisando suas projeções de lucro para baixo é o maior da história. Também não sei exatamente quando vai acontecer, mas acho que as Bolsas americanas, que estão quebrando recordes históricos, vão entregar os pontos logo, logo.

Veja mais em: http://www.infomoney.com.br/imoveis/investimentos-imobiliarios/noticia/3424350/nao-existe-bolha-imobiliaria-setor-ganhara-forca-apos-copa-diz


 
 
 
Fonte: João Sandrini
Outras Notícias
09
04
11 Razões para os preços dos imóveis seguirem em alta.
[+] saiba mais
03
05
Os destinos dos brasileiros que buscam imóveis no exterior.
[+] saiba mais
20
05
Entra em vigor a Lei Federal 12.607/12 que proíbe a locação ou venda de vagas.
[+] saiba mais
20
05
Como reconhecer um imóvel de alto padrão.
[+] saiba mais
20
05
8 dicas para comprar imóveis no feirão da casa própria.
[+] saiba mais
20
05
Secovi dobra expectativa de expansão de imóveis em São Paulo
[+] saiba mais
20
05
Vendas de imóveis novos em São Paulo crescem 27% no 1. trimestre de 2012.
[+] saiba mais
21
08
Imóveis encalhados freiam alta dos preços
[+] saiba mais
14
06
Os custos que vão além do valor do imóvel na hora da compra Gastos com impostos e taxas cartoriais costumam chegar a 4% do valor do imóvel; veja como calculá-los
[+] saiba mais
13
11
Vila Mariana tem a maior procura por imóveis em São Paulo
[+] saiba mais
 
Voltar

Segurança, comprometimento e credibilidade. Aguardamos o seu contato.

nossa equipe está à sua disposição!

entre em contato